Siga-nos ou curta nossa página 🙂
Competidores remaram em condições climáticas desafiadoras, em Ilhabela. Prova de 20 km exigiu esforço para a conquista do título brasileiro da Oceânica 2018

Competidores largaram partindo da praia da Escola de Vela Lars Grael. Foto: Reprodução/ CBCa

No final de semana dos dias 01 e 02 de dezembro, cerca de 100 atletas iniciaram as disputas pelo título brasileiro da Canoagem Oceânica 2018. A sexta feira anoiteceu com forte chuva na região, gerando certa incerteza de como seriam as condições encontradas no mar.

O sábado amanheceu calmo porém ao longo do dia o vento começou a aparecer e animar os participantes da categoria individual, que às 13h iniciaram o percurso de 20km, largando embarcados na praia da Escola de Vela Lars Grael, seguindo rumo à primeira boia de contorno no meio do canal (sentido São Sebastião), depois rumaram ao norte da ilha, buscando a boia que servia como meio da prova, e que estava na ponta das canas.

Retornando à primeira boia que estava no meio do canal, a disputa finalizou novamente na Escola de Vela Lars Grael. A primeira embarcação a cruzar a linha de chegada foi a de Luiz Wagner Pecoraro, atleta da Marinha do Brasil, com o tempo de 1h46m46s. Na sequência, completaram o pódio, o atleta olímpico Sebastian Cuattrin e José Marcos Mendes Filho.

No feminino, Rafaela Nascimento, também atleta da Marinha do Brasil, sagrou-se campeã feminina individual, seguida por Mariana Muriel Falconi e Thais Lopes de Araújo.

No domingo, as disputas foram das duplas e o cenário muito parecido com o de sábado, que foi favorável para grandes disputas de posições na água. Após 1h39m29s a dupla Luiz Wagner Pecoraro e Alexandre Felipe do Nascimento cruzou a linha de chegada sendo os campeões 2018. Na sequência chegaram as duplas Hiel Gesã Peres de Queiroz e Mayko Lucena Assipal, e Thiago Vinicius Carvalho e José Marcos Mendes Filho.

No feminino, a dupla brasiliense Fernanda Rachid e Thais Lopes foram as campeãs, seguidas pelas duplas Rayssa Correa e Viviane Vaz, e Larissa Oliveira e Rafaela Nascimento. Já nas duplas mistas, Maria Elienai e Winderson Patrick foram os grandes campeões.

A classe Estreante (prova de incentivo para bases) ocorreu durante a prova das duplas e Bruna Oliveira Libório foi a grande campeã.

No resultado por equipes, a ACOAR (Associação de Canoagem Oceânica de Angra dos Reis) foi a equipe campeã com 1911,5 pontos, seguida de perto pela ACKC (Brasília) com 1762 pontos e ATR (Turma do Remo) com 1616 pontos.

O evento contou com a organização e apoio da Prefeitura Municipal de Ilhabela, Turma do Remo de Ilhabela, ACALINO – Associação de Canoagem do Litoral Norte e CBCa – Confederação Brasileira de Canoagem.

Fonte: CBCa

Siga-nos ou curta nossa página 🙂

Related Post