bbw brunette reveals her tits. tamil xxx
sex videos

Vento sopra forte na segunda etapa do Molokabra 2020

Segundo dia de disputas da Molokabra 2020 tem ventos fortes e disputas muito acirradas. Luiz Wagner Pecoraro é o Fita Azul da prova
Largada do dia 02 da Molokabra 2020.
Largada do dia 02 da Molokabra 2020. Foto: Reprodução

Falar em “Ceará” e “vento forte” é quase uma redundância, contudo, após a estreia de quinta-feira (01), com ventos amenos para os padrões cearenses, nesta sexta-feira (02) os competidores tiveram a oportunidade de fazer um downwind “Padrão Molokabra”.

Ou seja, sol, céu azul, ventos fortes soprando paralelos à costa e bumps de qualidade.

Os competidores largaram por volta de meio-dia, novamente em frente ao Iate Clube de Fortaleza.

Larda pela canoa de Dave Dave Macknight:

.

Contudo, dessa vez o percurso foi de 18 km, com destino final a praia de Iparana, em Caucaia.

Remando de surfski, Luiz Wagner Pecoraro (MA) novamente foi o ‘Fita Azul’ da prova (1:03:52) e agora está com uma mão na taça do circuito, que termina neste sábado com a prova de 30km de Fortaleza à vila de Cumbuco.

Também remando de surfski, Alexandre Ferreira (RJ) chegou logo em seguida (1:04:55), repetindo a dobradinha do dia anterior.

Luiz Wagner Pecoraro fala sobre a prova de hoje:

.

Dave Macknight (RJ) foi o primeiro remador de OC-1 a colocar os pés nas areias Iparana (1:10:41). Remando forte e usando sua experiência no downwind, Macknight, assim como Pecoraro, conquistou sua segunda vitória consecutiva.

Entre as mulheres, a remadora de surfski Rafaela Nascimento (RJ) foi quem recebeu a Fita Azul (1:17:30), seguida pela lenda da canoagem oceânica brasileira Carmen Lúcia (RJ) (1:19:48).

Rafaela Nascimento fala sobre a prova de hoje:

.

Na OC1, uma chegada bastante embolada entre Marta Terra (RJ) e Dayone Rossi (RJ) (ambas registraram o tempo de 1:30:40).

As duas chegaram juntas à linha de chegada. A diferença foi de apenas 300 milésimos de segundo em favor de Dayone. Sem dúvida o pega mais disputado desta edição até o momento.

Molokabra 2020
Naves estacionadas no Iate Clube de Fortaleza prontas para a ação. Foto: Reprodução

No Paddleboard, o catarinense Nando Grillo conquistou a primeira colocação (1:45:26), chegando à frente de Rogerio Melo (SP) (1:45:37), campeão da prova de ontem, por uma pequena diferença.

Entre as mulheres do Prone, Sinara Pazos (BA) foi a campeã (1:56:52).

No Overall do SUP, mais uma vez Cirano Ribeiro (DF) (1:29:36) chegou em primeiro lugar sem ser ameaçado.

Paulo Vasco (CE) foi o segundo remador de SUP a cruzar a linha de chegada (1:30:11) e primeiro colocado na Máster.

Sergio Prieto aproveita o ‘glide’ cearense:

.

Entre as mulheres do SUP, a local Carol Barcellos (CE) foi a campeã (2:12:34).

Na V1, vitória de Fábio Valongo (RJ) (1:27:16) e Mariana Mateus (RJ) (2:22:04), os primeiros remadores a cruzar a linha de chegada na categoria.

Resultados Etapa 2 – Molokabra 2020

Aqui os resultados Overall e tempos

Neste sábado conheceremos os vencedores do Molokabra 2020 com a conclusão da prova Fortaleza – Cumbuco 30 km.

Spread the love
Raiz ebook

About the author

Da Redação

Da Redação

Aloha Spirit Club é a maior fonte de informação sobre water sports da América Latina. Nossa equipe traz até você conteúdos de qualidade e antenados com as novidades e tendências desse universo.

  • Mar e mana quadrado
    Paddles quadrado

error: Entre em contato para ter essa noticia em seu site. Obrigado.