bbw brunette reveals her tits. tamil xxx
sex videos

Kelly Slater e Mike Stewart são destaque no Pipeline Bodysurfing Classic

Veteranos e ícones absolutos dos water sports, Kelly Slater e Mike Stewart dão show nas ondas durante o Pipeline Bodysurfing Classic
Pipeline Bodysurfing Classic
Kelly Slater mostrou intimidade com Pipeline também no surfe de peito. Foto: Neal Miyake

A mítica onda havaiana de Pipeline recebeu no último final de semana, pela 44ª vez, o Pipeline Bodysurfing Classic.

A prova, considerada uma das competições de maior prestígio do Bodysurf mundial, reuniu um total de 60 atletas, entre eles, nomes de peso dentro do universo dos water sports, como Kelly Slater e Mike Stewart.

11 vezes campeão mundial de surf, Slater mostrou que tem intimidade com Pipeline também sem prancha.

Pipeline Bodysurfing Classic
Kelly Slater, um waterman. Foto: Neal Miyake

Ele obteve um positivo nono lugar na competição, inclusive vencendo a sua bateria na primeira rodada derrotando nomes experientes do Bodysurf, como Dave Hubbard, campeão mundial de dropknee.

O mesmo Dave Hubbard, no entanto, viria a derrotar Kelly nas quartas de final.

Aos 48 anos de idade, Slater mostrou mais uma vez que além de ser um grande surfista, é um grande waterman.

Mike Stewart é o cara
Pipeline Bodysurfing Classic
Mike Stewart venceu o Pipeline Bodysurfing Classic pela 16ª vez. Foto: Neal Miyake

E por falar em veteranos, outra lenda viva das ondas, o havaiano Mike Stewart, nove vezes campeão mundial de bodyboard, foi o grande campeão da competição.

Stewart defendeu com o sucesso o triunfo conquistado por ele em 2019 e venceu pela 16ª vez o Pipeline Bodysurfing Classic.

Aos 56 anos de idade e com uma disposição de garoto, o havaiano não brincou em serviço e na final teve como nota máxima uma manobra avaliada pelos júris em 9,50 pontos, que ajudou a construir um gordo score final (16,67 pts).

Pipeline Bodysurfing Classic
Slater (centro à esq.) e Stewart (contro à dir.) monstros sagrados dos water sports. Foto: @buzzaone

O francês Arthur Picard e os havaianos Chris Kalima e Craig Watson foram os outros competidores presentes na final que se configurou da seguinte maneira:

Classificação da Final do Pipeline Bodysurfing Classic:

1º Mike Stewart 16,67 pontos

2º Arthur Picard 11,33 pontos

3º Chris Kalima 8,17 pontos

4º Craig Watson 6,13 pontos

*9º Kelly Slater

Mais de 40 anos de história
Pipeline Bodysurfing Classic
Série ao fundo em Pipeline. Foto: Neal Miyake

O Pipeline Bodysurfing Classic teve sua primeira edição em fevereiro de 1971 e precede, inclusive, o icônico Pipe Masters de surf.

É o evento de maior duração a ser realizado na costa norte de Oahu, Havaí.

Esta edição também contou com a presença de nomes como Mark Cunningham, Dave Hubbard, Mark Drewelow, Keith Malloy, Kalani Lattanzi, Timothy Hamilton, entre outros ícones mundiais do surfe de peito.

Spread the love

About the author

Da Redação

Da Redação

Aloha Spirit Club é a maior fonte de informação sobre water sports da América Latina. Nossa equipe traz até você conteúdos de qualidade e antenados com as novidades e tendências desse universo.


error: Entre em contato para ter essa noticia em seu site. Obrigado.