Remada, cultura e ação ambiental em Paraty

5ª Remada Ecológica de Paraty reuniu esporte, cultura e cidadania em um domingo especial na cidade história do litoral sul do RJ
5ª Remada Ecológica de Paraty.
Ação teve a participação de mais de 300 pessoas. Foto: Eric Porto

No domingo último domingo (08) um grupo de voluntários com o apoio da sociedade civil, realizaram a 5ª Remada Ecológica de Paraty.

Antes das 8h da manhã, horário previsto para início das inscrições, já estavam na praia do Jabaquara interessados em participar das atividades programadas para aquele domingo de sol.

Com o tema a “Toca do Cassununga”, a remada foi oficialmente aberta com a apresentação de uma pesquisa, sobre o sítio arqueológico que se encontra no final da praia do Jabaquara.

Com mais de 300 participantes, das mais variadas idades, a remada teve na sua programação atividades para todos, e com orgulho os organizadores identificam que a participação dos moradores da cidade vem crescendo cada vez mais e foi maioria, mesmo com um número expressivo de visitantes.

Remada, cultura e cidadania em Paraty

remada ecologica paraty
Crianças participam de ação: 1.9 toneladas de lixo recolhidas ao longo do percurso. Foto: Eric porto

A atividade esportiva compreendeu uma remada de 6 quilômetros de percurso, com saída e retorno na praia do Jabaquara juntamente com o recolhimento de resíduos sólidos na praia do Jabaquara, Pontal, Terra Nova e durante todo o percurso da remada.

Na quinta edição foram retirados cerca de 1.9 toneladas de lixo de todo o perímetro percorrido. Foi realizado a seleção dos resíduos e enviado para a cooperativa de reciclagem.

Muitas ações educativas, placas informativas, dados sobre a sustentabilidade e da importância do consumo e uso consciente de produtos. As crianças puderam participar de atividade lúdicas e dinâmicas, como um caça tesouro que explicava os usos e descartes corretos de materiais.

5ª Remada Ecológica de Paraty.
5ª Remada Ecológica de Paraty. Foto: Eric Porto

Também foram realizadas duas atividades culturais, sendo uma a Oficina de Máscaras com o Mestre Biba, em que os participantes criaram suas máscaras e apresentação teatral com a Casa João de Barro – Instituto Brincante, com muita música e fantasia.

Foram mais de 300 participantes das mais variadas idades, 130 embarcações sendo 50 disponibilizadas gratuitamente, através da cooperação dos locadores de embarcação que atuam no local.

Patrocinadores, apoiadores, parceiros da sociedade civil e empresários da cidade, junto a voluntários que trabalharam com afinco meses antes desse dia acontecer. Foram todos essenciais para esse dia totalmente dedicado ao nosso meio ambiente do município de Paraty.

Spread the love

error: Entre em contato para ter essa noticia em seu site. Obrigado.