Barbados Pro | Balanço do Dia 02 & Expression Session

Eliminatórias seguem pegando fogo no Barbados Pro, que ainda teve show dos brasileiros na competição especial de Expression Session
Luiz Diniz venceu a Expression Session na categoria "Melhor Aéreo". Foto: APP World Tour
Luiz Diniz venceu a Expression Session na categoria “Melhor Aéreo”. Foto: APP World Tour

Após uma abertura intensa com muita ação nas ondas de Soup Bowl, o Barbados Pro teve seu reinício na manhã desta quinta-feira (14) com as baterias de repescagem do Masculino e Feminino e uma competição de “Expression Session”, entre os competidores de todas as categorias, onde seriam premiadas a melhor manobra, o melhor tubo, “overall” e o melhor aéreo.

Galeria de images: Aqui

As ondas se mantiveram com boa formação, apresentando, porém, séries um pouco mais demoradas do que no dia anterior, quebrando em torno de quatro pés de tamanho, e a primeira fase a entrar na água foi a repescagem do Masculino.

Leia mais: Balanço do Dia 01

Nesta rodada, realizada no formato “Homem x Homem”, os competidores que não haviam passado em primeiro nas baterias da primeira fase, disputavam uma vaga para o Round 03.

Repescagem Masculina

Marcio Grillo barbados pro
Marcio Grillo abriu a rodada de disputas do dia enfrentando Bezinho Otero. Foto: APP World Tour

Na primeira bateria do dia tivemos dois brasileiros, Marcio Grillo e Bezinho Otero, que começou a bateria em um ritmo forte, investindo nas ondas intermediárias. Grillo respondeu surfando uma boa onda de série que lhe rendeu um 6.33 e assumiu a liderança. Em seguida, o destemido loca de Maresias conseguiu surfar outra boa onda fazendo um 6.60 para carimbar seu passaporte rumo à terceira rodada da competição.

Bezinho ainda tentou responder, mas não conseguiu encontrar uma onda de série boa o suficiente para aumentar sua pontuação, finalizando a rodada com a somatória de 7.47.

O jovem Kauan Terra entrou na água logo em seguida e conseguiu superar sem maiores dificuldades o local Jason Cole pelo placar de 13.67 contra 5.63.

Kauan Terra. Foto: APP World Tour
Kauan Terra. Foto: APP World Tour

Depois, na quinta bateria da repescagem, foi a vez de Wellington Reis encarar o atual campeão pan-americano Daniel Hughes (EUA) em uma bateria bem disputada.

O brasileiro, porém, soube impor seu ritmo mostrando uma técnica apurada do uso do remo nas manobras, mesclando uma linha mais clássica com progressividade.

Ao final, o placar foi definido em 10.63 contra 13.37 a favor do brasileiro.

Dois brasileiros se enfrentaram na bateria seguinte, Lucas Medeiros e Luciano Martins.

lucas medeiros
Lucas Medeiros foi o dono da maior somatória do dia, com direito a nota 9.3. Foto: APP World Tour

O capixaba Lucas Medeiros estava literalmente “on-fire” e obteve a maior nota, um 9.30, e a maior somatória da rodada: 16.40 de 20 pontos possíveis, dando poucas chances de recuperação para Luciano Martins.

Mas Martins, apesar da eliminação, teve a alegria de ver seu filho, Leo Gimenes, comandar a bateria seguinte, onde enfrentou outro local, Adam Quandt, vencendo a disputa sem maiores problemas, pontuando 10.93 contra 4.90.

Leo Gimenes. Foto: APP World Tour
Leo Gimenes. Foto: APP World Tour

O funil agora começa a apertar e na próxima rodada, que também será disputada no formato “HxH”.

Amanhã teremos Leco Salazar enfrentando Kauan Terra na bateria 3; Marcio Grillo enfrentando o havaiano Bernd Roediger na bateria 4; Matheus Salzar enfrentando o porto-riquenho Max Torres na bateria 5; Leo Gimenes enfrentando o norte-americano Sean Poynter na bateria 6; Lucas Medeiros enfrentando o peruano Tamil Martino na bateria 7 e, fechando a rodada, mais um duelo de altíssimo nível entre os brasileiros Wellington Reis e Luiz Dinz.

Repescagem Feminina

Gabi Sztamfater barbardos pro
Gabi Sztamfater garantiu sua vaga para as quartas de final. Foto: APP World Tour

Com a conclusão da rodada de repescagem entre os homens, foi a vez das mulheres entrarem na água em duas baterias de repescagem, onde tivemos as brasileiras Aline Adisaka e Gabi Sztamfater na mesma bateria juntamente com a norte-americana Lara Claydon.

A norte-americana conseguiu um 6.10 logo no início da bateria e assumiu a liderança já botando a pressão para cima das brasileiras.

Aline se movimentou bastante, pegando várias ondas, mas, sem sucesso para conseguir uma boa pontuação, enquanto Lara, logo em seguida, surfou outra boa onda que lhe rendeu um 5.07, ficando mais confortável ainda na liderança.

Aline Adisaka. APP World Tour
Aline Adisaka. Foto: APP World Tour

Gabi respondeu com um 4.43 e assumiu a segunda colocação, e, em seguida obteve um 5.50, segunda melhor nota da bateria, sacramentando sua posição.

Aline seguiu se movimentando bastante na água, mas não teve sucesso na escolha das ondas ficando na terceira colocação e dando adeus à disputa.

Gabi Sztamfater e Lara Claydon avançaram para as quartas de final onde vão enfrentar, respectivamente, Vania Torres (PER) e Shakira Westdorp (AUS), em baterias no formato “Mulher x Mulher”.

Expression Session

Matheus Salazar em ação na Expression Session, onde ficou com o vice-campeonato da categoria “Melhor Aéreo”. Foto: APP World Tour

Encerrando o dia de disputas, os melhores SUP surfistas do mundo voltaram para a água para disputar uma competição paralela de Expression Session.

A competição paralela oferecida pela APP foi disputada entre homens e mulheres e iria premiar a “Melhor Manobra”, o “Melhor Aéreo”, “Melhor Tubo” e “Overall”.

Marcio Grillo recebe a premiação pelo "Melhor Tudo" durante a Expression Session barbados pro
Marcio Grillo recebe a premiação pelo “Melhor Tudo” durante a Expression Session. Foto: APP World Tour

Mais uma vez os brasileiros foram destaque: Luiz Diniz foi o campeão da categoria “Melhor Aéreo”, com Matheus Salazar em segundo lugar; Marcio Grillo venceu a categoria “Melhor Tubo” e Wellington Reis ficou com o vice-campeonato da categoria “Melhor Manobra”, vencida pelo francês Julien Bouyer.

wellington Reis
Wellington Reis ficou com a segunda colocação na categoria “Melhor manobra” da Expression Session. Foto: APP World Tour

A única categoria que não teve um brasileiro no pódio foi a “Overall”, vencida por Sean Poynter (EUA) com Benoit Carpentier (FRA) na segunda colocação.

Acompanhe o Barbados Pro ao vivo

Barbados Pro 2019
Barbados Pro 2019. Foto: APP World Tour

A competição tem previsão de reinício nesta sexta-feira (15), com primeira chamada às 12h30 (horário de Brasília).

O Barbados Pro tem transmissão ao vivo no Aloha Spirit Club.

Vídeo do Dia 02

Cobertura Aloha Spirit Club

Brasileiros afiam os remos nas ondas de Barbados
Treinos em Soup Bowl
Galeria de imagens do dia 01
Balanço do dia 01
Spread the love

About the author

Da Redação

Da Redação

Aloha Spirit Club é a maior fonte de informação sobre water sports da América Latina. Nossa equipe traz até você conteúdos de qualidade e antenados com as novidades e tendências desse universo.


error: Entre em contato para ter essa noticia em seu site. Obrigado.