Salvador (BA) recebe Pan-Americano de canoagem oceânica em dezembro

Realização do Pan-Americano de Canoagem Oceânica reforça representatividade da modalidade nas Américas com a criação do comitê vinculado à COPAC
remadores durante competição de canoagem oceânica em salvador (BA)
Salvador (BA) será palco do 1º campeonato Pan-Americano de canoagem oceânica realizado em águas brasileiras. Foto: Peu Fernandes

Salvador (BA) será palco do primeiro Campeonato Pan-americano de Canoagem Oceânica da história a ser realizado em águas brasileiras. O evento acontecerá entre os dias 07 e 08 de dezembro.

O evento surge depois que a modalidade passou a ter representatividade continental com a criação de um comitê dentro da Confederação Pan-Americana de Canoagem.

Internacionalmente conhecida como “Canoe Ocean Racing”, que tem o Surfski como modelo mais usado entre os adeptos, a modalidade ganha representatividade nas Américas e com a criação de um comitê da Canoagem Oceânica, oficializado durante os Jogos Pan-americanos, em Huacho, Peru, em eleição aclamada por todas Federações, sendo o brasileiro Jefferson Sestaro escolhido como chairman da modalidade na COPAC – Confederação Pan-americana de Canoagem.

Mulher rema de surfski na praia do Farol da Barra em Salvador (BA)
Salvador que já iria receber etapa do Brasileiro, incorpora Pan-Americano. Foto: Tau Andrade

Em candidatura única, a cidade de Salvador apresentou o projeto que já vinha trabalhando para sediar a 3ª e última etapa do Campeonato Brasileiro de Canoagem Oceânica 2019 e saiu vitoriosa, através da escolha das Federações envolvidas.

Jefferson Sestaro comenta:”Temos muito potencial tanto dos atletas quanto da raia pra competição. É a grande oportunidade de colocarmos cada vez mais o Brasil no cenário mundial do esporte. Realizamos no Brasil, em 2017, o primeiro Campeonato Sul-americano e agora iremos realizar o primeiro Pan-americano. Quem sabe um dia a gente possa fazer também um Mundial “.

Organização do Pan de Canoagem Oceânica

Bruno Machado remando de surfski na Praia do Farol da Barra em Salvador (BA)
Local de Salvador, Bruno Machado está à frente da organização do evento. Foto: Tau Andrade

Com a definição da sede do Pan, o evento será organizado através da Galeria Vivá – Salvador (BA), comandada pelo remador Bruno Machado, contando com apoio de empresas e poder público local. A ideia é que o percurso seja de Farol à Farol (Farol da Itapuã ao Farol da Barra) totalizando aproximadamente 23 km de mar aberto, no formato ponto a ponto, e dependendo das condições, terá “downwind” para os atletas que é quando os atletas se aproveitam das ondas formadas pelo vento para navegar em alta velocidade.

Bruno Machado, que também preside a Abaski – Associação Baiana de Surfski, comenta:

A entidade junto à Prefeitura de Salvador através do Vereador Duda Sanches e do presidente da Saltur, Isaac Edington, apostam no sucesso do evento, confiantes no potencial da nossa Baía de todos os Santos, realizando em uma raia paradisíaca e calorosa, com um downwind, largando do farol de Itapuã até o Porto da Barra, como também no detalhe particular do povo Baiano que é recepcionar calorosamente a todos que vem de fora”.

Bruno finaliza dizendo: “Ficamos muito felizes e agradecidos pela oportunidade e que venha o Pan”.

Inscrições abertas para o Pan-Americano de Canoagem Oceânica

Já está no ar o site oficial do I Campeonato Pan-Americano de Canoagem Oceânica de Salvador com todas informações do evento, bem como o cronograma e a página de inscrições.

Para acessar o site clique AQUI.

Calendário de Eventos Aloha Spirit Club

Clique AQUI e confira o calendário de eventos de water sports mais completo do Brasil.

Spread the love

About the author

Da Redação

Da Redação

Aloha Spirit Club é a maior fonte de informação sobre water sports da América Latina. Nossa equipe traz até você conteúdos de qualidade e antenados com as novidades e tendências desse universo.


error: Entre em contato para ter essa noticia em seu site. Obrigado.