Mirage prepara lançamento de ‘saia rígida’ para canoas OC-6

Mirage Original Canoe investe em uma saia rígida, feita para canoas OC-6 presa por um sistema de encaixe exclusivo da marca
canoa oc6
A saia rígida, acoplada à canoa, torna o cockpit fechado, que ainda pode ser completamente vedado com outra pequena saia de tecido. Foto: Reprodução

O público presente na segunda etapa do Brasileiro de Va’a, realizado no último final de semana, em Vitória (ES), viu de perto o que será o lançamento que a Mirage Original Canoe prepara para anunciar muito em breve.

Trata-se de uma saia rígida para seu novo modelo de canoas OC-6. A novidade foi entregue aos campeões brasileiros da categoria Open/ Elite, He’e Nalu, patrocinados pela empresa, que após a prova estão realizando testes para eventuais ajustes finais.

O equipamento, assim como as saias tradicionais feitas de tecido, tem a função de proteger o interior da canoa da água externa em situações em que há muita ondulação e vento. Porém, no caso da saia rígida da Mirage, a instalação é feita na forma de encaixes, dispensando a instalação dos tradicionais trilhos para fixação das saias de tecido, o que torna o acessório bem leve e simples de instalar, além de manter o interior da canoa totalmente protegido da água.

Modernização do outline

De acordo do Naideron Quincozes Júnior, empresário que detém os direitos de uso e produção da marca Mirage no Brasil, desde que as canoas voltaram a ser produzidas aqui, no final de 2018, uma série de ajustes foram sendo feitos, inclusive a modernização dos cascos e a adaptação para as condições brasileiras, tudo em acordo com as diretrizes da matriz, no Havaí.

canoa oc6
A saia rígida é presa ao casco da canoa por um sistema de encaixe. Foto: Reprodução

Naideron conta que após chegarem ao modelo de casco que atualmente é usado pela bicampeã brasileira He’e Nalu, surgiu a necessidade de tornar a canoa mais protegida das ondas, principalmente em situações de downwind ou quando o mar está mais agitado. Foi então que ele convidou o veterano e designer de pranchas de SUP e canoas, Magno Matozo, para se juntar ao time. Juntos, eles começaram a trabalhar no modelo de saia rígida que foi exibido no Brasileiro de Va’a em Vitória:

Já tínhamos em mente esse modelo de saia rígida e o Magno nos ajudou a definir, além do melhor design, a quantidade certa de material usado em sua fabricação para torna-la resistente e leve”, revela Naideron.

O empresário esclarece que apesar da semelhança visual com uma canoa V6, as canoas com a saia acoplada continuam sendo consideradas OC-6:

Todos os cuidados de se manter os patrões exigidos pela CBVAA foram atendidos. Esta é apenas uma canoa com saia de proteção e que, no caso, é rígida”, esclarece.

canoa oc6
Magino Matozo (à dir.) avalia o encaixe da saia rígida com o remador Leonardo Brantes dentro do cockpit durante a fase de produção. Foto: Reprodução

Naideron conta que mais alguns ajustes na saia poderão feitos antes do lançamento comercial do equipamento, que agora está sendo testado de forma minuciosa pelos remadores da He’e Nalu.

Entregamos a saia para eles durante o Brasileiro para que nos passem um feedback final antes do lançamento. Nossa intenção é lançar oficialmente a saia rígida já no final do mês de outubro”, conta.

O equipamento, por hora, só será compatível com o modelo atual de cascos das canoas OC-6 Mirage.

Para saber mais sobre o produto acesse Facebook/ Mirage Original Canoe.

Spread the love

About the author

Da Redação

Da Redação

Aloha Spirit Club é a maior fonte de informação sobre water sports da América Latina. Nossa equipe traz até você conteúdos de qualidade e antenados com as novidades e tendências desse universo.


error: Entre em contato para ter essa noticia em seu site. Obrigado.