Green Islands dá a largada ao Paulista de SUP em grande estilo

Evento realizado no último sábado (11) em São Bernardo do Campo e válido como 1ª etapa do Paulista de SUP, Green Islands colocou mais de cem pranchas na água, contando também contou também com disputas de Paddleboard e Natação

Alinal, Gui Cunha e Gui Thawirê formaram o pelotão da Elite Pro. Foto: Roberto Melchior

No último sábado (11) o Circuito Paulista de SUP deu a largada para a temporada de 2019 com a realização do Green Islands. A competição, organizada pelas empresas Suporte e EV Simulados de Triatlhon, foi realizada nas águas Reservatório Rio Pequeno, na região do ABC paulista, dentro região do Parque Estadual da Serra do Mar.

O local, que é bem conhecido pelos atletas de triatlo que costumam nadar nas limpas e calmas, ganhou um colorido especial com a movimentação de mais de 100 pranchas na água, divididas em diversas categorias, incluindo o Paddleboard, marcando o início de uma nova e promissora era para o stand up paddle de São Paulo.

Green islands paulista de sup
Visual do evento. Foto: Daniel Aratangy

DISPUTAS DO PAULISTA DE SUP

A raia foi muito elogiada pelos atletas. Tanto pelo visual paradisíaco (muitos relataram que era difícil acreditar que estavam a alguns quilômetros da maior cidade da América do Sul), quanto pelo traçado dos percursos, com destaque para as duas boias de contorno em “S”, exigindo habilidade e equilíbrio dos remadores.

O dia também foi marcado por tempo estável e pouco vento. Ou seja, perfeito para quem curte remar em condições “Flat Water”.

Jessika “Moah” nas boias do “S”. Foto: Roberto Melchior

Na categoria Elite 14 Pés 9 km, a vitória ficou com o tetracampeão brasileiro Luiz Guida “Animal”, que chegou à prova embalado pela brilhante vitória no Aloha Spirit Ilhabela.

Guida fez uma boa largada e manteve-se entre os primeiros colocados ao longo da disputa concluindo os 9 km com o tempo de 01:00:03.

Animal, no entanto, foi seguido de perto por dois expoentes da nova geração do SUP Paulista: Guilherme Cunha (vice-campeão com o tempo de 01:00:06) e Guilherme Thawirê (terceiro colocado com o tempo de 01:00:15). Os três formaram o pelotão de elite entre os homens alternando a liderança na esteira em alguns momentos.

Pranchas alinhas no gramadão da Suporte. Foto: Andarilho Fotógrafo

Já na Elite Feminino, a campeã Jessika “Moah” fez uma prova incrível, chegando na quinta colocação geral dos 9 km, com o tempo de 01:03:19, sendo um dos destaques do evento e deixando muito marmanjo para trás. Aline Abad, vice-campeã, também não fez por menos, chegando com o tempo de 01:05:35. Completando o pódio, a local Tatá Silva fez a alegria da torcida local com a terceira colocação e o tempo de 01:09:50.

No Paddleboard, disputado em um percurso de 6 km, a vitória ficou com o santista Rogerio Mello (00:48:19), seguido por Renato Peniche (00:49:22), na segunda colocação , e José Henrique Loyola completando o pódio em terceiro (00:53:50)

Campeões da Elite Feminino e Masculino. Foto: Reprodução

Ao todo foram 18 categorias na água (fora as categorias da natação). Todos os resultados e tempos podem ser conferidos nos seguintes links:

Categorias 9 km

Categorias 3 km e 6 km

Natação

PRÓXIMA ETAPA

A próxima etapa do Paulista de SUP está marcada para o dia 27 de julho com a realização da The Bridge SUP Cup em São Vicente.

O Circuito Paulista de SUP já conta com site oficial onde mais informações podem ser obtidas – Clique AQUI.

Spread the love

About the author

Luciano Meneghello

Luciano Meneghello

Luciano Meneghello é Editor-chefe do Aloha Spirit Club. Pioneiro na produção de conteúdo direcionado a esportes de água como SUP, va'a e paddleboard, foi fundador da Revista Fluir Standup e do site SupClub e tem artigos publicados em diversos veículos do segmento, como revista Go Outside, Alma Surf, site Waves, entre outros.



error: Entre em contato para ter essa noticia em seu site. Obrigado.