Mirage Original Canoes realiza lançamento oficial em Curitiba (PR)

Evento contou com a presença do vice-prefeito de Curitiba, inaugurou a primeira fábrica de canoas polinésias do Paraná e também o batismo de “Apahuna”, primeira canoa OC6 produzida no estado.
Cerimônia de batismo da Apahuna às margens da Represa de Passaúna, primeira canoa produzida pela Mirage Original Canoes e primeira OC6 fabricada no Paraná. Foto: Luciano Meneghello

No último sábado (22) foi realizado em Curitiba (PR) o lançamento da nova fábrica da Mirage Original Canoes. A empresa havaiana de canoas polinésias volta ao Brasil agora sob a licença da Passaúna Composites & Design, que inicialmente produzirá modelos de OC6 devidamente licenciados pela Outrigger Connection, detentora dos direitos e projetos da marca, e em breve também terá à disposição modelos de OC1 e OC2, além de outros produtos ligados ao segmento como remos, coletes, saias de canoa, por exemplo.

O evento, que contou com a presença do vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel, foi realizado em duas etapas. Primeiro, foi feita a inauguração da fábrica, localizada na Represa de Passaúna, onde foi exibida a primeira canoa OC6 produzida pela Passaúna Composites & Design, e, sem seguida, remadores da cidade ajudaram a conduzir a canoa até a sede do Passaúna Paddle Clube, onde foi feita uma cerimônia de batismo. Antes do início, porém, todos os presentes foram convidados a escrever mensagens de boas-vindas na canoa.

Inauguração da Mirage Original Canoes contou com a presença do vice-prefeito de Curitiba Eduardo Pimentel. Foto: Luciano Meneghello

A cerimônia então teve início com uma grande roda em torno da canoa onde todos os presentes ouviram as palavras de Naideron Quincozes Junior, capitão do Passaúna Paddle Club e um dos diretores da Passaúna Composites & Design, contou um pouco de sua trajetória dentro da canoagem polinésia no Paraná, até chegar à produção de canoas, chamando a atenção da comunidade para a importância de se preservar o espírito de equipe e união, inerentes ao va’a, para em seguida passar a palavra a Fábio Lugarini, diretor da Volvo América Latina, e parceiro de Naideron em projetos corporativos envolvendo a canoagem polinésia, que fez uma oração abençoando o batismo da “Apahuna”, primeira canoa produzida nesta nova fase da Mirage Original Canoes.

E, concluindo a cerimônia, “Apahuna” e as outras canoas do clube foram para as águas da represa de Passúna para uma remada inaugural sob um lindo de céu azul, fechando com chave de ouro o evento.

Naideron Quincozes Junior contou um pouco de sua trajetória dentro da canoagem polinésia no Paraná, até chegar à produção de canoas polinésias. Foto: Luciano Meneghello

Naideron Quincozes Junior explica que a princípio informações sobre as canoas Mirage poderão ser obtidas através dos contatos do Passaúna Paddle Club, mas em breve toda a comunicação será feita por um canal próprio da “Passaúna Composites & Design”.

Tão logo adquirimos a licença da Outrigger Connection para produzir as OC6 da Mirage, recebemos pedidos de encomendas, isso sem ter feito nenhum tipo de divulgação, então, resolvemos priorizar a produção das canoas, para honrar nossos prazos, e fizemos o lançamento e deixaremos para lançar os canais de divulgação próprios da Mirage Original Canoes em breve”, explica Naideron.

Para mais informações sobre as canoas Mirage: (41) 99134-3044 ou (41) 99282-3070 (com Naideron ou Kamilly)

Sobre o nome da primeira canoa polinésia produzida no Paraná: Originalmente apahuna, o nome indígena foi sendo modificado até chegar a passaúna, que pode ser traduzido por “homem negro”. Mais tarde, o parque onde hoje está localizada a primeira base de va’a do estado e, agora, também a primeira fabrica de canoas polinésias do Paraná, receberia o nome de Passaúna.

Inaugurado em 1991, o parque nasceu para preservar a qualidade da água da represa do Rio Passaúna, considerada como interesse de proteção ambiental desde 1980 e responsável por parte do abastecimento de água para a população curitibana.

GALERIA DE IMAGENS

Spread the love

About the author

Luciano Meneghello

Luciano Meneghello

Luciano Meneghello é Editor-chefe do Aloha Spirit Club. Pioneiro na produção de conteúdo direcionado a esportes de água como SUP, va'a e paddleboard, foi fundador da Revista Fluir Standup e do site SupClub e tem artigos publicados em diversos veículos do segmento, como revista Go Outside, Alma Surf, site Waves, entre outros.


error: Entre em contato para ter essa noticia em seu site. Obrigado.