Vinnicius Martins conquista a medalha de prata no Pan-Americano de SUP

Medalha de prata garante a Vinnicius Martins uma vaga nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019. Lena Guimarães, quarta colocada no Feminino, garantiu a outra vaga para o Brasil
Vinni ao lado de Itzel Delgado, Giorgio Gomez e Zane Schweitzer e Giorgio Gomez . Foto: AP

Na manhã deste sábado (08) foram definidos os campeões pan-americanos de SUP Race Técnico com a conclusão das finais do Masculino e Feminino realizadas em Punta Rocas, Lima, Peru.

O mar abaixou um pouco em relação à sexta-feira, quando foram realizadas as semifinais, e as ondas quebravam em torno de quatro pés, com pouco vento, boa formação e intervalos mais longos, tornando assim um pouco mais fácil a vida dos finalistas.

A primeira categoria a entrar na água foi a Masculino, com a presença de dois brasileiros: Vinnicius Martins e Luiz Guida “Animal”.

Guida fez uma ótima largada e na primeira volta assumiu a liderança da prova ao lado do peruano Itzel Delgado. Vinnicius veio um pouco mais atrás em um pelotão encabeçado por Zane Schweitzer (EUA) e Giorgio Gomez (COL).

Aos poucos, porém, Vinni foi subindo de produção até encostar em Guida e Delgado, que segurou bem sua posição mantendo um ritmo bem forte de remada.

Guida, porém, foi se distanciando da ponta, enquanto a liderança ficou dividida entre Vinnicius e Itzel, que venceu a prova na corrida da praia, para o delírio da torcida local.

Martins ficou com a Prata e uma vaga para representar o Brasil na categoria nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019.

Luiz Guida “Animal” foi o quinto colocado, chegando junto com Schweitzer, quarto lugar, e Giorgio, terceiro colocado.

FEMININO

Lena Guimarães e Jessika Moah na largada da final do SUP Race Técnico Feminino. Foto: AP

Na disputa feminina, também com a presença de duas brasileiras, Lena Guimarães Ribeiro, acabou largando muito mal e teve uma árdua tarefa de recuperação pela frente.

Jessika Moah fez uma largada melhor, mas na altura da primeira boia de contorno, acabou se embolando com o pelotão de remadoras e acabou perdendo posições preciosas. Ambas as brasileiras tiveram que correr atrás do prejuízo e, ao final, Lena acabou cruzando a linha de chegada na quarta colocação, enquanto Moah terminou em sexto lugar.

Já a liderança foi disputada entre April Zilg (EUA), Lina Augatis (CAN) e a porto-riquenha Nimsay Garcia.

April mais uma vez mostrou boa leitura de mar para aproveitar o timing certo das séries e usar as ondas a seu favor, abrindo assim boa vantagem sobre as demais competidoras.

Já a briga pelo vice-campeonato foi bem disputada entre Lina Augatis e Nimsay Garcia, que acabou levando vantagem na linha de chegada, ficando com a segunda colocação.

Lena e Moah acabaram ficando, respectivamente, na quarta e sexta colocação.

Este resultado também garantiu a Lena a vaga para os Jogos Pan-Americanos de Lima 2019 ao lado de Vinni no SUP Race Técnico.

O PASA ainda definirá os títulos no SUP Wave, Longboard e Shortboard. Mais atualizações em breve!

ACOMPANHE AO VIVO

O dia decisivo do Pan-Americano de Surfe e SUP pode ser acompanhado ao vivo no AlohaSpiritClub.com.br, mídia oficial do PASA 2018.

MATÉRIAS RELACIONADAS

Galeria de imagens das semis do race Técnico

Race brasileiro está na final do Pan-Americano

Brasileiros dão show em dia intenso

SUP Wave Brazuca mostra sua força

Competidores recebem inédita preparação olímpica

SUP Wave faz sua estreia nesta quarta

Pan-Americano tem início com boas ondas

Desfile das Nações abre o Pan-Americano

Brazucas desembarcam em Lima

PASA 2018 | Confira a programação

Entrevista com Karin Sierralta, presidente da PASA

 

Spread the love

About the author

Da Redação

Da Redação

Aloha Spirit Club é a maior fonte de informação sobre water sports da América Latina. Nossa equipe traz até você conteúdos de qualidade e antenados com as novidades e tendências desse universo.



error: Entre em contato para ter essa noticia em seu site. Obrigado.