Iron Va’a 88.1 | Desafio lançado

Iron Va’a 88.1, prova de travessia em V6 ao redor do arquipélago de Alcatrazes, é confirmada para 02 de fevereiro de 2019
Inscrições abrem dia 1º de novembro e vão até 1º de janeiro. Foto: Reprodução.

Diferente da maioria das provas de Va’a em longa distância, a Iron Va’a 88.1 brinca com o fato de que para você dar a volta na Ilha principal do Arquipélago de Alcatrazes, é necessário ter muita força para chegar até lá, e é claro, folego para voltar para o continente.

Esta é mais uma prova criada e realizada pela Ecooutdor Sports Business, agência que hoje todos já sabem, é responsável por mudar a visão e puxar a qualidade dos eventos aquáticos, por mais de dez anos, para um nível mais alto. Podemos sim dizer que a Ecooutdoor é uma usina de criatividade e de boas ideias e bons eventos, tanto que inspira muitos organizadores ao redor do Brasil.

Já existiam provas de longa distância, talvez a mais famosa delas seja a Volta a Ilha de Santo Amaro e a mais dura, o Desafio Salvador a Morro de São Paulo, mas nesta onda de provas de longa distância, embora a Ecooutdoor não tenha sido a primeira a criar este modelo de prova, ela não poderia ficar fora e deixar de apresentar um bom produto dentro desta tendência.

A prova será realizada com equipes de no máximo 12 pessoas, com revezamento montado e executado pela própria equipe. Foto: Ale Socci

Após o convite vindo do ICMbio, (Instituto Chico Mendes de conservação de bio diversidade), há quase um ano, para que a agencia Ecooutdoor, reconhecidamente responsável e com knowhow em realizações seguras no mar, desenvolvesse duas provas, uma de natação em águas abertas e outra de Va’a, a tarefa ficou por conta de criar algo especial, com muita qualidade. Tudo começou com a escolha por um bom nome, um nome forte, que trouxesse a realidade e dureza da prova, que fizesse com que ao final, cada equipe / atleta, pudesse se orgulhar do que fez, nestes exatos 88.1 quilômetros.

SOBRE A PROVA

A prova no primeiro ano será realizada com equipes de no máximo 12 pessoas, com revezamento montado e executado pela própria equipe.

As categorias serão time misto, com no mínimo 6 pessoas do sexo oposto. Time masculino e time feminino, cada um com a sua embarcação de apoio própria.

A prova terá rastreamento via satélite e transmissão ao vivo, inspirando-se na Moloka2Oahu, que entretém muito bem os admiradores da modalidade e torcedores, em uma página específica na internet com chat, localização, pequenas pílulas de vídeo, repórteres embarcados, mostrando tudo sobre o evento. A Tv Aloha Spirit será a responsável por esta transmissão.

Visual de Alcatrazes. Foto: Luciano Candisani/ Estadão

Falando com João Castro, ele de maneira divertida se chama de “louco” e ao mesmo tempo alguém que tem verdadeira alucinação por capricho e detalhes. João diz que “quando lança um produto, ele acredita que o sucesso vem, por ele não se preocupar com lucro, nem no primeiro ano e nem nos anos seguintes e que por isso que logo quando lança algo, este lançamento vem com diferenciais”. João ainda completou: “Eu realizo ainda hoje provas que já existem há anos e ainda coloco grana do bolso, pois é um prazer realizar, eu pessoalmente gosto muito, mas sou constantemente chamado de irresponsável aqui no escritório” (risos).

João lembra que foi também ele que pela primeira vez exigiu o equipamento SPOT nas suas provas, mais especificamente o W2 Downwind e que isso fez com que de 300 atletas o número caísse para 50, mas que além de estar certo de ter tomado a decisão correta, hoje muitos organizadores já adotam ou já falam em adotar o uso do equipamento. Esta decisão inclusive mexeu com a outra ponta, que já começa a trabalhar com locação e empresas prestadoras deste tipo de serviço já surgem.

Esta primeira edição 2019 servirá como piloto em muitos aspectos, o que trará poucos ou muitos ajustes em 2020.

INSCRIÇÕES

As informações já estão no site www.alohaspiritclub.com.br, pois embora a prova leve a marca do maior festival de esportes aquáticos da América latina, este terá suas plataformas próprias como site, redes sociais, afinal estrategicamente é bastante importante, para que a comunicação seja mais segmentada.

A prova fixa bandeira no mês de fevereiro pois é uma época do ano que prevê maior possibilidade de mar tranquilo o que garante a realização, mesmo estando tão próxima da primeira etapa do Aloha Spirit Festival, que acontece em Março, a Ecooutdoor não acredita que o Aloha tenha qualquer perda por esta proximidade.

As inscrições abrem dia 1º de Novembro e vão até 1º de Janeiro. Fiquem ligados!

CALENDÁRIO DE EVENTOS ALOHA SPIRIT CLUB

Saiba quando e onde irão rolar os eventos de water sports mais bacanas do Brasil AQUI.

Spread the love

About the author

Da Redação

Da Redação

Aloha Spirit Club é a maior fonte de informação sobre water sports da América Latina. Nossa equipe traz até você conteúdos de qualidade e antenados com as novidades e tendências desse universo.


error: Entre em contato para ter essa noticia em seu site. Obrigado.