Copa Brasil de Paracanoagem 2018

2ª etapa da Copa Brasil aconteceu neste final de semana, em São Paulo, contando com 35 atletas de sete diferentes estados brasileiros
2a Etapa da Copa Brasil de Paracanoagem 2018 reuniu 35 atletas de sete estados brasileiros. Foto: Reprodução.,

Aconteceu neste último final de semana na raia olímpica da Universidade de São Paulo, em São Paulo, a 2a Etapa da Copa Brasil de Paracanoagem 2018. O evento reuniu 35 atletas de sete estados brasileiros, entre eles canoístas que obtiveram os esperados índices para a participação do Campeonato Mundial, em agosto.

“Foi um evento importante tanto para mantermos os atletas em competição visando o Campeonato Mundial, quanto para o desenvolvimento da modalidade, além de atualizações e realização de novas classificações funcionais”, disse Leonardo Maiola, supervisor da Paracanoagem na Confederação Brasileira de Canoagem.

Na competição realizada no domingo destaque para os jovens atletas que vem surgindo no cenário nacional, entre eles Giovane Vieira de Paula e também a jovem, mas já veterana, Debora Benevides. Outros grandes destaques foram: Luis Carlos Cardoso, Fernando Rufino de Paulo e Mari Santilli.

Esta etapa da Copa Brasil tinha como o principal intuito aumentar o número de competições nacionais da modalidade, colocando os atletas em constante avaliação, além da somatória de pontos para o ranking anual da modalidade e índices para provas internacionais, fator que está em acordo com os objetivos estratégicos da modalidade.

“É de extrema importância a realização de duas etapas de Copa Brasil, que somado ao Campeonato Brasileiro formam três eventos nacionais de ótimo nível, e são preparativos para eventos internacionais e colocam os atletas em competição e avaliação”, disse a atleta Mari Santilli, atleta que atingiu o índice estipulado pelo Comitê de Paracanoagem, garantindo sua vaga para o Campeonato Mundial de Paracanoagem.

A atleta do Clube de Regatas Curitiba de Curitiba reforçou que “a raia estava em excelentes condições e os atletas demonstraram uma evolução em suas performances comparada a primeira etapa, demonstrando que vem treinando e este evento os preparam para não apresentar tanto nervosismo nos próximos campeonatos”.

A CBCa possibilitou aos atletas, nesta competição, o alojamento no Centro de Treinamento Paralímpico, alimentação e transporte alojamento x raia a todos que desejavam e solicitaram previamente. “Isto possibilitou a redução de custos aos atletas e equipes, além de um ótimo conforto e acessibilidade”, contou Maiola.

A grande campeã do evento foi a Associação Caiakagem de Canoagem, de Brasilia, seguida pelo Iate Clube de Londrina e o Bra Va’a

Spread the love

About the author

Da Redação

Da Redação

Aloha Spirit Club é a maior fonte de informação sobre water sports da América Latina. Nossa equipe traz até você conteúdos de qualidade e antenados com as novidades e tendências desse universo.


error: Entre em contato para ter essa noticia em seu site. Obrigado.