Aloha Spirit | Clubes de va’a preparam super ‘delegações’ para a etapa de Brasília

Clubes de va’a inscrevem múltiplas equipes para a etapa de Brasília do Aloha Spirit Festival criando uma nova e interessante “categoria”: a de maior delegação

Os primeiros clubes de canoa havaiana da história moderna, como o pioneiro “Outrigger Canoe Club” (foto), também incorporavam outras modalidades de water sports, como surfe, natação e SUP. Foto: Reprodução.

Em 1908 surgia no Havaí o primeiro clube de canoa havaiana do mundo: o “Outrigger Canoe Club”, que tinha entre seus membros ninguém menos do que o “Pai do Surfe” Duke Kahanamoku. Naquela época, esses clubes tinham a canoa polinésia como símbolo, no entanto, era comum a integração com outros water sports como o surfe, natação, SUP (na época conhecido como “Beach Boy Stlye”) e o paddleboard.

As competições entre os demais clubes de outrigger (ou wa’a/ va’a) muitas vezes eram disputadas em modalidades distintas. O primeiro campeonato de surfe da história, inclusive, foi disputado entre esses clubes de wa’a. Uma tradição que foi se perdendo mas que, no entanto, nunca desapareceu.

O clube paranaense Passaúna Paddle Club confirmou a participação de seis equipes de va’a e estima que terá cinco remadores participando das provas de SUP . Foto: Reprodução.

Agora o Aloha Spirit Festival, maior festival de esportes aquáticos da América Latina, está fortalecendo essa tradição, que remete ao que há de mais tradicional e cativante entre os clubes de canoagem polinésia. Na etapa de Ilhabela, diversos clubes participaram do festival com grandes delegações representadas por atletas e equipes em diversas modalidades da prova.

A Base Alpha de Ilhabela, por exemplo, teve sete equipes inscritas nas provas de va’a e remadores representando o clube nas provas de SUP, OC1, natação e triatlo waterman. Mas outros clubes também fizeram bonito como as equipes Mauna Loa e Hoe Mana, Kaitesul Walea, Canuí, Maikai Hoa, Passauna Paddle Clube e Ava Paranoa, Canuí, entre outras, que inscreveram várias equipes e atletas individuais.

Equipe feminina da Cauí Va’a de Brasília fez bonito em Ilhabela e agora, competindo em casa, promete participar com uma delegação de peso, com várias equipes e atletas participando de diversa modalidades do Aloha. Foto: Reprodução.

Para a etapa de Brasília os paranaenses do Passaúna Paddle Club já anunciaram a inscrição de seis equipes nas provas de Va’a e provavelmente cinco atletas na prova de SUP. Outras equipes, como a Mauna Loa e a Kitesul Walea também já avisaram que irão em peso para o Distrito Federal. Mas, provavelmente a maior delegação será composta por algum clube local como a Ava Paranoá ou a Canuí, por exemplo.

TERMÔMETRO PARA O BRASILEIRO

Brasília será a última oportunidade para essas equipes de va’a medirem forças e realizarem os últimos ajustes antes das etapas do Brasileiro. Foto: Carla Falleiros.

Além dessa saudável “disputa” para conhecermos a maior delegação no Aloha, outro ponto que merece atenção em relação às equipes de va’a é o fato de que a etapa de Brasília será a última prova de âmbito nacional a ser realizada antes do Brasileiro de V6 em Niterói e Vitória. Ou seja, será a última oportunidade para essas equipes medirem forças e realizarem os últimos ajustes antes das duas decisivas provas do circuito nacional.

O Aloha Spirit Brasília está marcado para acontecer entre os dias 22 e 24 de Junho no Pontão do Lago Sul às margens do Lago Paranoá. As inscrições estão abertas e podem ser feitas no site Aloha Spirit Festival.

Spread the love

About the author

Da Redação

Da Redação

Aloha Spirit Club é a maior fonte de informação sobre water sports da América Latina. Nossa equipe traz até você conteúdos de qualidade e antenados com as novidades e tendências desse universo.


error: Entre em contato para ter essa noticia em seu site. Obrigado.